• Boa Nova 990
A Evolução da Matéria ao Puro Espírito e o Livre Arbírio
(Capítulo IV ESE São Luis)
08 de outubro de 2016

Mensagem espiritual pelos espíritos Yoseph e Celina
Psicofonía da mèdium Eliana dos Santos

Duração: 1h 17min


Ouve a apresentação da mensagem espiritual:

Ouve os primeiros 5 minutos da mensagem espiritual:


«A mensagem de São Luís com o ‘nascer de novo’ do Cristo. (...) Há limites para a encarnação? (...) Essas parcas linhas do cap. IV nos dão a chave para as questões das nossas aflições. (...) Há mundos em que já não existe esta matéria tal qual nós a temos quando encarnados neste planeta de expiação e provas. (...) A matéria vai se desligando de sua densidade corpórea! (...) E este meu nascimento fará com que a matéria que me envolve também cresça na sua sensiblização, e ela se pareça e se assemelhe ao perispírito, até tornar-se ‘um’(una) com o períspirito. Da mesma forma o perispírito evoluirá até tornar-se ‘um’ com o espírito.»

Boa Nova 990 - Eurípedes Barsanulfo


Profundizando nos conteúdos da Boa Nova 990

Com a graça do bom Deus, a alegria celeste em nossos dias, a Cárita Editora Espírita apresenta à rede de audição a palavra de número 990. Recebemos da espiritualidade através de nosso querido irmão Yoseph, a mensagem euripediana, ou seja do espírito Eurípedes Barsanulfo, dando seqüência a dinâmica de uma pedagógica que ele nominou de “a pedagógica do ser tocado”.

Ser tocado ou ser sensibilizado, em verdade o que a espiritualidade está a nos dizer é que as preleções ao longo dos anos vêm tendo esse fundamento maior, a de nos conscientizar, a de nos sensibilizar para a grande realidade do espírito.

Nesse encontro, segundo encontro de outubro a espiritualidade dá seqüência ao que ele chama de “a pedagógica do ser tocado”. Aqui ele enfatiza a maravilhosa dinâmica do capítulo IV do O Evangelho Segundo o Espiritismo, a mensagem de São Luis que nos traz linhas belíssimas quanto ao caminho do espírito quando adentra o processo reencarnatório.

Em verdade, o tema maior da preleção de número 990 é o sentido da reencarnação, mais uma vez, agora olhando a específica mensagem de São Luis que nos traz um processo maravilhoso que em nossa leitura cotidiana muitas vezes passa longe das nossas percepções.
São Luis vai nos mostrar no seu texto uma evolução inclusive da matéria até o perispírito e uma identificação, uma unidade com o perispírito e depois uma unificação e uma identidade do perispírito com o espírito, tornando-os então puros espíritos.

Que esse texto possa encontrar em sua alma um espaço para viver. Deixe-se ser tocado, oh querida alma, oh querida irmão e irmã desta nossa casa de oração e de quantos essa voz encontrar um dia. Deixem-se ser tocados por essa verdade. Estamos em trânsito, estamos em uma viagem, saímos da pátria eterna espiritual para fazer uma experiência tão somente humana dentro de um planeta de expiação e provas para após as renhidas lutas desse planeta, que ele é uma escola , ele é um hospital e também um cárcere, nós encontrarmos na regeneração um mundo de descanso, de reconstrução e de felicidade depois da regeneração. Que o Deus bom sempre nos abençoe e que esta palavra possa alcançá-lo, trazendo-lhe maior encorajamento no cotidiano de suas lutas e por conseqüência uma maior adesão aos trâmites da vida em espírito, enquanto caminhamos humanamente pela Terra encarnados para que consigamos em verdade e vida, nascer de novo.

A boa nova 990 tem esse objetivo, trazer maior luz sobre a passagem de Jesus quanto a nascer de novo para que possamos ver o reino de Deus. Grande paz, grande abraço, Cárita.

A mensagem de Celina

Nosso terno rouxinol, nossa amada Celina passa trazendo a sua prece semanal. Em torno da preleção 990, nós temos os comentários sobre o tema central da mensagem deixada nesse encontro. O reino é para aqueles que se assemelham às crianças, diz Celina. E é verdade. Deixai que elas venham até a mim, deixai, deixai, enfim, é um pedido. E Celina faz desse pedido do Cristo, um pedido para nós: Vamos deixar que nosso espírito seja tocado por esta preleção, pela proximidade com o Cristo e pelas verdades eternas dirigindo as nossas decisões no cotidiano de nossas vidas. Celina ainda diz que a noite está linda e bela, que está muito feliz e todos os espíritos felizes com esta casa que vai crescendo em maturidade na superação de seus conflitos.

Celina nos convida em verdade, que inauguremos a nova era, a era do espírito em nossas vidas e aprendamos a perdoarmo-nos mutuamente.

Celina nos traz novamente a lógica de que a relação entre ferido e quem fere é profundamente estreita. Ouçamos esta voz maviosa, terna e amiga. A Cárita Editora Espírita que se despede com seu sempre terno e grato e até mesmo saudoso abraço.

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado.
    Ruim           Bom

Boa Nova 990

  • R$12,50


Etiquetas: Pedagógica do ser tocado por Deus. Dharma. Origem dos conflitos. Nascer de novo do Cristo: nascimento espiritual. Pré história humana. Exercício do arbítrio. A matéria se confundirá com periespírito e o periespírito com o espírito. Mundos de regeneração: materia se desligando da densidade corpórea. Nascer em espírito nas relações humanas. Limites reencarnação : imperfeições morais. Alquimia da água. Arbitrar pelo bem. Mundos que não evoluem pela dor. Nascer da água e do espírito. No corpo nascer para o espírito. O roteiro divino. Amor: último momento de nosso processo evolutivo. Arbitrar pelo amor. Piedade final: "honrar pai e mãe", sensibilização dos filhos. Vínculo familiar grandiosa conquista humana: sentimento de pertenencia, semelhança. "Perdoai-os porque não sabem o que fazem". Cristo iniciado no eterno e na ciência eterna do ser. Justiça é a normativa do universo divino. Cristo nosso defensor. Sua piedade se estende a níveis absolutos. A dor do Cristo . Doloroso processo de reencarnação do Cristo. Engenharia encarnatoria.