• Boa Nova 1050

O Advento da criança Divina, príncipe da paz!
Uma criança se nos nasceu, um filho nos foi dado.

23 de dezembro de 2017


Mensagem espiritual pelo espírito Catarina de Senna, preposto de Eurípedes Barsanulfo 

Psicofonía da médium Eliana dos Santos

Duração: 47min


Na preleção de hum mil e quarenta e sete a Criança Divina vem envolta na arte sublime do desapego, na boa nova hum mil e quarenta e oito na dinâmica da descoberta dos significados do Enviado na noite de Belém, em manjedoura, além da sabedoria do mestre que pede ao aprendiz Traga-me um jardim, 

Ainda na mensagem hum mil e quarenta e nove a criança divina se reúne à esperança como força movedora da ordem divina no humano, e aqui,querida rede de audiçao, na Boa Nova de número hum mil e cinquenta, de vinte e três de dezembro, nós somos chamados a observar que a manjedoura significa também  SALVAÇÃO. Sim, o menino que nos nasceu traz a mensagem do infinito amor divino: a mensagem de que corremos perigo, ou estamos próximos a perigos impensados, e nEle, o salvador, o caminho da superação das dinâmicas sombrias que nos envolvem a vida!

A Cárita Editora nesta quarta semana de dezembro, vésperas do Natal, abraça a todos irradiando amor e paz... Pois nos nasceu o Conselheiro Maravilhoso, o Deus Forte, o Pai da Eternidade e o Príncipe da Paz, segundo a enumeração do profeta Isaias.

Ouçamos essa voz que vem revestida de indicações do caminho com Jesus até Jesus... No término da fala o raciocínio maravilhoso que destacamos aqui em nossa abertura... a espiritualidade nos pede para que não nos esqueçamos de que sendo nós mesmos extremos que põe em perigo a própria harmonia, encontraremos nEle o caminho redentor de unificação do nossos contrários – dos caminhos que se dividem e se separam e nos devoram e nos trazem não a vida mas a morte, não o ímpeto e o impulso de realização, mas o vazio, a depressão, a angústia, a ausência... Guerras, guerras intensas, campos devastados pelo nosso próximo nos deixam assim, sem colheita, sem o júbilo da colheita maravilhosa após a semeadura, queimam-se os campos com palavras ásperas, interpretações malévolas, leituras rasas e infiéis à verdade, àquela que o Cristo nos deu e que o poder, como disse Pilatos, que a verdade, o poder não pode alcançar porque só a alcançamos quando ouvimos a Sua voz, a voz do Consolador, a voz do Conselheiro, a voz do Deus forte, a voz do Pai que sempre estará conosco porque a vida continua, a voz do Príncipe da paz... Não troque essa voz por nenhuma outra, filhos amados, e serão os beneficiários diretos da divindade, e onde estiveres tocarás, e do deserto crescerão os riachos tranquilos, o verde pasto, as florações. 

Até  o próximo encontro com a graça do Bom Deus!

Cárita!



Ouve a apresentação da mensagem espiritual:

Ouve os primeiros 5 minutos da mensagem espiritual:

Escreva um comentário

Nota: HTML não suportado.
    Ruim           Bom

Boa Nova 1050

  • Modelo: BN1050
  • Disponibilidade: Em estoque
  • R$12,50